Olá, pessoal. Tudo bem?

Então, no fim de semana passado foi o aniversário de um aninho da minha caçula, a Penélope. Estava decidida a fazer tudo sozinha, com a colaboração de familiares e amigos. Desde o começo deste ano, após ser convidada para festinhas em parques, eu me encantei pelo tema piquenique. Tudo tão lindo e tão prático. Não acham? Pois bem, esse foi o tema escolhido para o primeiro aninho da minha princesa. A internet também me encheu de inspirações para decoração e comidas. Como eu não tinha muito tempo de colocar a mão na massa, por trabalhar fora, a minha mãe se prontificou a fazer alguns enfeites (no final, a maioria deles). Optamos por itens reciclados para a mesa dos convidados. Enrolamos barbante em garrafas de guaraná, tecido em latas de leite em pó, e juta em vidros de azeitona. Todos os vasilhames foram usados para colocar flores. Minha mãe fez tudo em Paracatu (MG), enquanto eu estava em Brasília (DF). Começamos a arrumar tudo pouco antes de um mês da data e, para que nada saísse do compasso, nos correspondíamos semanalmente por WhatsApp. Vejam como ficaram os arranjos:

Arranjos

Um charme, neh!? Se quiserem, podemos ensinar o passo a passo de cada coisa em um próximo post. Basta pedirem. É muito fácil, pois não tivemos que costurar nada.

Continuando…

Mandamos fazer caminhos de mesa de um tecido xadrez, um grande forro para colocar ao ar livre do mesmo pano e capas de almofada brancas e xadrezes.  O metro do tecido saiu por R$ 12,99. Comprei em uma casa de tecidos na W3 Sul. Olhem como ficou legal o resultado:

toalhaG

CAMINHO

Para completar, usamos várias cestas e balaios, que peguei emprestados da minha avó. Além do mais, colocamos comidas diversificadas dentro deles, como doce de leite em pedaços (que foi feito na mesma fazenda onde foi o aniversário), biscoito de queijo, pão de queijo e outros quitutes.

detalhemilho

O bolo que escolhi foi o naked cake, ou bolo pelado, em português. Usamos frutas possíveis de se achar em Paracatu, como morangos e uvas. Queríamos bluebarry e framboesa, mas essas frutas mais exóticas só eram possíveis de encontrar em Brasília e acabamos esquecendo de correr atrás disso. O recheio do bolo foi brigadeiro e beijinho branco. Além de lindo, ficou muito gostoso. A pessoa que o fez, uma boleira de mão cheia de Paracatu, recebeu o pedido um dia antes do aniversário e arrasou.  O bolo se adequou perfeitamente ao cenário da festa de piquenique. Outra coisa que usei e acho que tem tudo a ver com festas ao ar livre foi uma suqueira. Consegui achá-la em uma loja no Taguacenter, em Taguatinga. O preço foi R$ 65.

bolohjh

mesa 16f

Na mesa principal, colocamos os doces e os salgados. Tudo junto mesmo. Ao fundo, penduramos pompons, gaiolas, fitas, corações. Além disso, decoramos o batente com itens de alumínio, como regadores e vasinhos. Como fiquei doente na semana anterior, não podia fazer quase nada, isto é, subir, descer, pendurar coisas, etc.. Por isso, a ajuda do meu marido, Rafael, da avó dele, Santina, e das minhas duas cunhadas Eduarda Soares e Amura Zahra foram imprescindíveis. Sem essas pessoas, não teria festa. Ah! Algumas dessas mesmas pessoas ajudaram a fazer as guloseimas. Entre elas, os hambúrgueres, que foram um sucesso.  Todo ele foi feito de forma artesanal, na fazenda onde foi a festa. A propósito, deixo um muito obrigada para essas pessoas!

mesa 9,2

guloseimas

Como lembrancinhas, fizemos saquinhos surpresas usando a juta e o pano xadrez que sobraram. Colocamos balas dentro. Ficaram lindos. Além disso, fizemos tiaras de flores para as moças. Eu já tinha dado uma prévia delas no blog, lembram? A aniversariante, a Penélope, testou a amarela. E, novamente, se quiserem saber como fazer, já sabem! Basta mandarem uma mensagem pra gente. Olhem aí o resultado:

pepe 136

A Stella, minha filha mais velha, também se divertiu bastante, como se a festa fosse dela (o que não deixou de ser, claro). Adorou o espaço ao ar livre e a ideia da toalha no chão. Outra coisa que a encantou foram os balões aéreos. Usei apenas 15 e deu um bom efeito. Os quadrinhos negros também não faltaram. Comprei três deles no Taguacenter, em Taguatinga, por R$ 9,90 cada um. O da foto abaixo foi um empréstimo da minha afilhada linda, a Marcela. Obrigada, pequena!

entrada

stella 9,12

O meu vestido também foi bem a caráter. Optei por tons vivos: amarelo e azul. A estampa de girassol está super na moda. Aliás, o amarelo está super em alta. Confiram:

mãe  e peped

Resumindo, eu adorei a festa! Foi linda e muito tranquila. Espero que tenham gostado da inspiração também.

Beijos.